quarta-feira, 28/02/2024
HomeDestaqueAldeias terão projeto para prevenir violência doméstica contra mulheres

Aldeias terão projeto para prevenir violência doméstica contra mulheres

Data:

aldeia

A reserva indígena de Dourados terá a partir desta segunda-feira (26) um projeto para prevenir e combater a violência doméstica contra mulheres indígenas. A ação contará com palestras em escolas e outras atividades para que conheçam a Lei Maria da Penha seus direitos. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), uma em cada três mulheres indígenas são estupradas ao longo da vida.

Em Mato Grosso do Sul, os casos de violência doméstica nas comunidades indígenas aumentaram 495% em quatro anos, segundo dados do Núcleo de Proteção e Defesa dos Direitos da Mulher (Nudem) da Defensoria Pública do Estado.

A ideia é que o projeto piloto, chamado “Protagonismo das Mulheres Indígenas no Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar”, seja aplicado também em outras aldeias de Mato Grosso do Sul, segundo a policial militar Gleice Aguilar dos Santos.

“As mulheres ainda não sabem seus direitos ou não são totalmente empoderadas para poder denunciar”, diz. O programa é uma parceria entre Governo do Estado, polícias Civil e Militar, Conselho das Mulheres da Aldeia Jaguapiru e prefeitura de Dourados.

A reserva indígena de Dourados já conta com um projeto da Polícia Militar, porém voltado para o pós-atendimento de mulheres que denunciaram algum tipo de violência. “Nossa metodologia é de fiscalização de medidas protetivas às mulheres que denunciaram. Já o novo projeto será em nível estadual e voltado também para a prevenção”, explica Gleice.

Fonte: Douradosnews

spot_img
spot_img